Defesa com Videoconferência

Defesa com participante não presencial, sugere-se uma dessas opções:


1) Aparelho de videoconferência do CIn-UFPE (opção disponível somente para o auditório, localizado no 1ª andar do Bloco C).

  • Informe ao participante externo o IP do nosso aparelho de videoconferência.

    • Endereço IP: 150.161.70.100


2) Notebook próprio do aluno com Meet/Skype.

  • Computador:

    • Preferencialmente usar o próprio notebook, as máquinas das salas não possuem webcams e microfones.

    • Verificar se tem conexão ou adaptador para o tipo de projetor ou TV da sala. Preferência por HDMI, mas nem sempre está disponível.

  • Rede:

    • Recomendamos a utilização da rede cabeada. Para se conectar à rede no auditório, anfiteatro ou salas de aula da pós-graduação você deve configurar a autenticação 802.1x (precisa de ajuda? clique aqui). Em salas de aula de graduação, você deve solicitar cadastro do endereço MAC através do e-mail helpdesk@cin.ufpe.br.

  • Projetor:

    • Conectar ao projetor o mesmo computador para a apresentação dos slides e para a conexão com os participantes externos.

    • Preferir o compartilhamento de tela para que o participante externo acompanhe mais facilmente o que está sendo apresentado ao público local,

    • Útil também para ver o participante externo quando este estiver fazendo as suas perguntas e considerações sobre o trabalho.

  • Captação de áudio:

    • Preferencialmente usar microfone externo, pois o interno do computador é normalmente direcionado para captar quem está na frente dele (gerando a necessidade de posicionar o notebook para o aluno e posteriormente para os membros da banca).

    • Caso disponível, utilizar microfone adequado para áudio conferências (como o Jabra SPEAK 410).

  • Captação de vídeo:

    • Normalmente é utilizada a câmera do notebook que o aluno está usando e fica voltado para o mesmo, o que é bom, pois o participante remoto poderá eventualmente acompanhar além da apresentação também o aluno.

      • quando não for possível compartilhar a tela, o participante externo conseguirá ver a mudança de slides e mudar localmente também em sua máquina.

    • É comum ao passar à fase de arguição, virar o notebook para a banca, mas termina ficando voltado para a banca mesmo quando o aluno está respondendo e o participante externo termina acompanhado apenas pelo áudio.

    • Uma recomendação seria usar um outro notebook no qual o orientador poderá acompanhar o andamento da chamada e que teria a sua câmara voltada para a banca e público. Assim o participante externo na mesma chamada teria as duas visões: a do aluno apresentando e a da banca/público.

  • Alto-falante (para ouvir o participante externo): usar caixas de som externas ou dispositivos apropriados para áudio conferência.

  • Slides da apresentação:

    • Usar compartilhamento da tela

    • Por garantia, enviar previamente os slides em PDF para os participantes externos, para que possam acompanhar melhor a apresentação.


Recomendação Final: Testar tudo antes da hora marcada para início da defesa, preferencialmente um dia antes.